Mais um ano termina,

calendário cristão.

O que fiz ?

O que deixei por fazer ?

O mais difícil…

O que desejei

e não se realizou?

Aquele amor…

O poema não terminado.

Canteiro semeado.

Foto de Celia Brandão

O amor não brota

quando desejamos.

Assim é a natureza.

Novas parcerias,

um neto,

uma nova paixão.

Que todas as sementes

explodam em flores

como rolha de champanhe.

Estarei lá .

Aguardando o pôr do sol,

aguardando você.

Mais do que tudo,

celebrando a vida.

Anúncios

Natal

21/12/2010

Mais um Natal.

Nas ruas caminham

os que buscam

um símbolo do seu amor.

Sem amor não há Natal.