caduceu-em-seloPsicologia e humor 50: A mediação de conflitos envolve empatia crítica. No curso que dou no Sedes Sapientiae sobre mediação e violência, parte do curso da Silvana Parisi “Dimensão Amorosa: Um enfoque Junguiano”, enfatizo a empatia, não como relativismo moral e nem o moralismo fácil, termos de Jonathan Jansen, reitor da Universidade de Free State, South Africa. Empatia é aproximar-se do outro sem pré- julgamentos e compreender que sob determinadas circunstâncias todos podemos ser injustos e sermos capazes de violência. Empatia é também reconhecer-se no outro. Nesse sentido somos todos vulneráveis. Rejeitamos o outro para nos defendermos mas a ameaça está em nós mesmos. Os passos são: integração, reparação e reconciliação. Só dessa forma podemos falar em relações amorosas. Celia Brandão.

Anúncios